> > > Gfell

Gfell

Gfell
Buscando aperfeiçoar a experiência de seus clientes, o dono de um restaurante ao sul de Tirol, na Itália, contou com a ajuda do noa* para construir o Gfell, um hotel que proporciona a sensação de emergir na natureza Foto/Imagem:Alex Filz

Inserção entre prados

O proprietário de um tradicional restaurante localizado ao sul de Tirol (IT), a poucos passos da vila de Fiè allo Sciliar, estava em busca de uma forma ainda melhor de receber seus clientes. Por isso, procurou o noa* (network of architecture), que incorporou um hotel ao empreendimento, preservando o terreno e proporcionando aos hóspedes a sensação de emergir na natureza.

O hotel Gfell, estabelecido exatamente ao lado do restaurante Schönblick, fica no topo de uma encosta que oferece vista sobre florestas e prados intocados. O intuito foi agregar alojamentos de qualidade à construção preexistente, gerando novos espaços capazes de valorizar o caráter distintivo da localização.

“Poderíamos ter acrescentado um nível a mais, mas, em consonância com os empreiteiros, optamos por uma solução menos invasiva e mais ecológica, colocando o novo bloco dentro do morro. Portanto, é uma construção de abrigo de terra que reduz o impacto da operação sem tirar a vista do restaurante”, explica o arquiteto Andreas Profanter.

Paralelo ao restaurante, um antigo celeiro serve de acesso aos novos espaços. O exterior do edifício preservou o seu aspecto tradicional graças a cuidadosos trabalhos de restauro. Já o interior surpreende os visitantes por ter sido totalmente remodelado para acolher a recepção da hospedaria, um salão e uma sala de refeições rápidas.

O interior do celeiro surpreende os visitantes por ter sido totalmente remodelado para acolher a recepção da hospedaria, um salão e uma sala de refeições rápidas Foto: Alex Filz

A solução de design é incomum, mas eficaz, tanto do ponto de vista ambiental quanto arquitetônico; por um lado, reaproveita o nível existente, profundamente enraizado na herança e na terra da comunidade alpina local; por outro, dá nova vida e uso a um edifício que estava abandonado.

De acordo com o noa*, hospitalidade é buscar continuamente o diálogo com a natureza e dar a ela o papel de protagonista, o que claramente acontece neste projeto. A nova edificação desenvolve-se em dois níveis subterrâneos que seguem a inclinação natural do terreno. São 17 novos quartos complementados por uma área de bem-estar com sauna e área de relaxamento.

Todos os aposentos são iguais e surpreendentes em termos de características e tamanho. Ao entrar, um hall de madeira que camufla o guarda-roupas leva a um espaço aberto e luminoso de 25 m², onde o mobiliário é inteiramente de tons claros. A suíte conta com um lavatório de cerâmica branca e área de banho aberta revestida por ladrilhos que imitam pedra e rompem a uniformidade da madeira de durmast.

No primeiro subsolo, a área de bem-estar estende-se até os terraços, onde os hóspedes podem tomar banho de sol ou simplesmente relaxar nos meses mais quentes. Internamente, seis cabines criam miniquartos para uso individual, que proporcionam privacidade. Contribuindo para a tranquilidade, espreguiçadeiras com design personalizado completam a decoração. Na área de bem-estar, sauna finlandesa e bio-sauna são contempladas por uma janela panorâmica de vidro.

Escritório

noa* (network of architecture)15 projeto(s)

Local: BO, Itália
Conclusão da obra: 2020
Área do terreno: 2000

Tipo de obra:
Hotéis
Tipologia:
Lazer e Turismo

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Slideshow

Receba gratuitamente os Boletins e
Informativos da Galeria da Arquitetura.

(55 11) 3879-7777

Fale conosco Anuncie

Outros produtos da e-Construmarket

novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo